Para contratar o Zagueiro Pablo, o Timão precisa acertar com o Bordeaux o valor de 4,5 milhões de reais e ainda ceder 15% que tem dos direitos econômicos do jogador Malcom.

Porém, esse acordo ainda não foi assinado devido à divergências entre os clubes e o empresário do jogador.

Aí então, passou a valer outras duas opções:

  1. O Corinthians pagaria os valores referentes aos franceses e acertaria a contração de Pablo, ou
  2. Prorrogava o empréstimo por mais 6 meses e neste período, conseguiria juntar o dinheiro para dar aos interessados.

No Entanto, o Bordeaux não aceitou o novo empréstimo e a negociação ficou paralisada.

“O Pablo tem contrato conosco até dezembro. Então, podemos conversar com calma”, disse Flávio Adauto, do Corinthians.

Veja:  Goleiro do Avaí vai voltar ao Corinthians? “Nada definido”

Atualmente, Pablo está em tratamento médico devido à uma lesão na Coxa Direita e tem sido desfalque para o Corinthians no Campeonato Brasileiro e também deve permanecer sem jogar durante os jogos da Sul-Americana, que deve acontecer nos próximo mês.

Para o seu lugar, está escalado Pedro Henrique que é um jovem jogador da base e que tem tido boa repercussão durante seus jogos.

Reprodução: Google

A preocupação do Corinthians, no entanto é pelo fato de que além de Pablo, Vilson (outro zagueiro) também está machucado, o que deixa o Corinthians apenas com Léo Santos na Reserva, outro jovem da base.

O resultado é que o Timão está cogitando contratar um zagueiro mais experiente e o mais cotado até o momento foi Emerson Santos, do Botafogo do Rio de Janeiro.

Veja:  Jogador do atual elenco se torna o estrangeiro com mais jogos no Corinthians

Caso Malcom

Enquanto o Corinthians não termina a transação sobre o zagueiro Pablo, ele torce para que a venda do jogador Malcom seja concluída, em uma negociação que envolve o Bordeaux, da França, com o Wolfsburg, da Alemanha.

O timão tem 15% dos direitos econômicos do atleta.

“Estamos torcendo para a negociação dar certo. A gente tem um compromisso assumido com o Bordeaux, mas caso não vingue, a gente tem um porcentual de 15% do Malcom”, disse Flávio Adauto, que é diretor de futebol do Corinthians.

Conforme a imprensa da Europa, o Wolfsburg pode pagar até 113,5 milhões de reais pelo jogador. O que valeria ao Corinthians 17 milhões de reais.

Se a venda não for concretizada, o Bordeaux pode negociar os 15% do direito do jogador com o Corinthians.

Veja:  3 jogadores do Corinthians que não jogaram bem... Mas foram decisivos em 2017

Por Timão Notícias

Vamos Fiel, deixe sua opinião abaixo e nos ajude a melhorar, COMENTE!

Loucos do Bando comentaram!