Josep Guardiola foi o técnico do Barcelona entre os anos de 2009 e 2012 e ganhou praticamente todos os títulos possíveis.

Na época, a seleção era formada por Victor Valdés, Daniel Alves, Piqué, Puyol, Abidal, Busquets, Xavi, Inieste, Pedro, David Villa, Messi…

E, por muito pouco um jogador brasileiro não “ficou” com a vaga de Abidal, na lateral-esquerda… Trata-se do ex-corinthians André Santos, que atualmente está no Boluspor, da Turquia.

Atualmente, ele tem 34 anos. Em 2009 foi um destaques do Corinthians no título da Copa do Brasil e foi isso que fez o Barça olhar para ele.

“Dois membros da diretoria do Barcelona vieram me assistir na final da Copa do Brasil. O Ronaldo Fenômeno tinha me avisado”, lembrou.

Veja:  Comentarista diz que o lado trágico é que Kazim é o reserva de Jô

O interesse no atleta era mais antigo, desde o começo daquele ano, quando André Santos faturou também o título do Campeonato Paulista pelo Timão.

O jogo da final da Copa do Brasil, contra o Internacional, foi bom para o Corinthians (que venceu o campeonato) e para André (que deu uma assistência e marcou um gol) no empate em 2 a 2.

“Joguei muito bem naquela partida e o Pepe Costa, que era diretora do Barça na época e hoje cuida só do Messi, estava no estádio do Inter viu tudo de camarote. Ele me elogiou bastante e nós ficamos amigos desde então”, ele conta.

Eu fiquei por um triz para ir para o Barcelona”, relembra o lateral.

Depois da partida, André Santos foi em um restaurante junto com Andrés Sanchez, Ronaldo, Pepe Costa e outros diretores do Barça.

Veja:  Corinthians ainda não Conseguiu Fechar a Compra do Zagueiro Pablo

“André, o pessoal está encantado com o seu futebol, gostaram muito de você. Vamos voltar para a Europa e falar com os superiores para bater o martelo”, disseram à ele.

No entanto, o que poucos sabiam é que tinha outro brasileiro que estava sendo observado – e que venceu a luta para se juntar a Guardiola no Camp Nou.

“Logo depois da Copa do Brasil, os diretores do Corinthians foram para Barcelona, mas eles também haviam observado o Adriano, do Sevilla”, diz André Santos.

No fim, o Barça ficou com Adriano, que foi contratado por quase 10 milhões de euros.

“Como o Adriano já estava adaptado à Europa e à Espanha, o Barcelona optou por ele. Eles pensaram que seria mais fácil já ter o cara pronto para jogar porque até então eu nunca tinha ido para fora do Brasil”, relata o atleta que começou a vida profissional no Figueirense, em 2002.

Veja:  Goleiro do Corinthians fica fora dos gramados em 2017!

Em alta, André Santos foi vendido ao Fenerbahce, da Turquia, por 6 milhões de euros. Passou pelo Arsenal e depois retornou ao Grêmio, para jogar a Libertadores.

Depois passou por Flamengo, voltou para Índia, jogou no Botafogo de Ribeirão Preto e na Suíça até chegar ao Boluspor, da Turquia, do qual se tornou ídolo após duas temporadas.

Por Timão Notícias

Vamos Fiel, deixe sua opinião abaixo e nos ajude a melhorar, COMENTE!

Loucos do Bando comentaram!